sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Biografia de Bill Gates

Bom eu sempre admirei o Bill Gates apesar do que todos falam, vou reunir alguns acontecimentos que marcam a Biografia de Bill Gates em sua carreira.


Bill Gates infesta auditório com mosquitos, malária e medo.
Não consigo lembrar de nenhum outro sujeito que tenha feito algo tão surreal pra chamar a atenção (legalmente, lógico). Em uma palestra no TED, Bill Gates jogou MOSQUITOS TRANSMISSORES DE MALÁRIA NAS PESSOAS, mais porque?

O lance todo é que ele estava fazendo tentando mostrar ao mundo um ponto. As indústrias farmacêuticas gastam mais dinheiro com tônicos capilares mirabolantes (e Instant Hair Plus) do que com pesquisas para curar malária. Isso rola porque ricos compram tônico capilar e não têm malária. Logo, Bill "Hood" Gates apavorou a platéia com seus mosquitos (que obviamente não estavam infectados de verdade), dizendo que se ricos fossem contaminados, tudo iria mudar.


Outro fato interessante foi um bastante conhecido por muitos e já um pouco mais antigo, o reitor de uma Universidade do Sul da Califórnia enviou um e-mail para a Microsoft convidando Bill Gates a fazer um discurso no dia de formatura, incentivando os formandos no início de suas carreiras e, para sua surpresa, Bill Gates aceitou. Esperava-se que ele fizesse um discurso longo, de mais de uma hora, afinal ele é o dono da Microsoft e possuiu a maior fortuna pessoal do mundo! Mas Bill foi extremamente lacônico, falou apenas durante 5 minutos foi aplaudido durante 10 minutos, subiu em seu helicóptero e foi embora.


A seguir, as 11 regras que ele compartilhou com os formandos naquela ocasião:

Regra 1:
A vida não é fácil. Acostume-se com isso.

Regra 2: O mundo não está preocupado com a sua auto-estima. O mundo espera que você faça alguma coisa de útil por ele (o mundo) antes de aceitá-lo.

Regra 3:
Você não vai ganhar vinte mil dólares por mês assim que sair da faculdade. Você não será vice-presidente de uma grande empresa, com um carrão e um telefone à sua disposição, antes que você tenha conseguido comprar seu próprio carro e ter seu próprio telefone.

Regra 4: Se você acha que seu pai ou seu professor são rudes, espere até ter um chefe. Ele não terá pena de você.

Regra 5:
Vender jornal velho ou trabalhar durante as férias não está abaixo da sua posição social. Seu avós tinham uma palavra diferente para isso. Eles chamavam isso de “oportunidade”

Regra 6: Se você fracassar não ache que a culpa é de seus pais. Não lamente seus erros, aprenda com eles.

Regra 7: Antes de você nascer seus pais não eram tão críticos como agora. Eles só ficaram assim por terem de pagar suas contas, lavar suas roupas e ouvir você dizer que eles são “ridículos”. Então, antes de tentar salvar o planeta para a próxima geração, querendo consertar os erros da geração dos seus pais, tente arrumar o seu próprio quarto.

Regra 8: Sua escola pode ter criado trabalhos em grupo, para melhorar suas notas e eliminar a distinção entre vencedores e perdedores, mas a vida não é assim. Em algumas escolas você não repete mais de ano e tem quantas chances precisar para ficar de DP até acertar. Isto não se parece com absolutamente NADA na vida real. Se pisar na bola está despedido… RUA! Faça certo da primeira vez.

Regra 9: A vida não é dividida em semestres. Você não terá sempre férias de verão e é pouco provável que outros empregados o ajudem a cumprir suas tarefas no fim de cada período.

Regra 10: Televisão não é vida real. Na vida real, as pessoas têm que deixar o barzinho ou a boate e ir trabalhar.

Regra 11:
Seja legal com os CDF´s - aqueles estudantes que os demais julgam que são uns babacas. Existe uma grande probabilidade de você vir a trabalhar para um deles.

Espero que gostem, abraços!

2 comentários:

Flávio César disse...

Muito interessante este artigo. Obrigado pela informação!

Gabriel Lima disse...

voce poderia fezer um do linux torvald cara!